sábado, 31 de março de 2012

Batman Arkham Asylum

 Em 2009 tivemos vários lançamentos de peso incluindo Batman Arkham Asylum.

 O jogo é tão bom que até os personagens que não são tão queridos conseguem se destacar, como por exemplo Killer Croc ou simplismente Crocodilo.

 O jogo utiliza a Unreal Engine, a famosa engine usada em Gears of War, Unreal Tournament( 2 jogos da Epic Games, Unreal foi o primeiro jogo a utilizar a engine) e muitos outros incluindo Batman.

 Uma das coisas mais massas em Batman Arkham Asylum é a pancadaria intensa, com uma jogabilidade simples e fácil é possível criar combos incríveis.

 Você também tem a seu dispor os itens clássicos do herói, batarang e batgancho e outros que serão liberados e que serão obrigatórios para prosseguir e até mesmo para resolver algumas charadas do charada

 O único problema de Batm Asyluman Arkham para os que gostam de desafio é que o jogo não apresenta dificuldade, sendo muito fácil até em níveis mais elevado, mais em compensação você terá de 9 a 12 horas de jogos, tempo o suficiente pra você se divertir.

 Você também pode desbloquear vários extras, artes conceituais, desafios do charada, bonecos em 3d( que eu sinceramente curti muito), entre outros.

 Batman Arkham Asylum é aquele jogos que você nunca esquece, surpreendeu a todos pois os jogos de super-heróis nunca deram muito certo. Mesmo sendo um jogo relativamente antigo, vale a pena jogar, principalmente se você pretende jogar o Arkham City, pois para entender melhor a história, eu recomendo que jogue o Asylum.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Mass Effect 3 Demo O Que Achei?


a Finalmente testei a demo de Mass Effect, e o resultado é simplismente o que todos esperavam, um jogo épico.

 O modo história da demo é muito curta deixando gostinho de quero mais, só que isso é compensado com o multiplayer incrivel.

 Mesmo tendo apenas 2 mapas disponiveis para o multiplayer, é o suficiente para deixa-lo viciado( imagine quando lançar a versão final).

 Gráficos muito bons, trilha sonora linda e multiplayer de deixar qualquer um animado.

 A postagem de hoje é apenas para dar um 10 para a demo de Mass Effect.

 Agora só esperar o lançamento do game inteiro.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Battlefield Bad Company 2


Battlefield Bad Company 2 é um jogo cheio de revira-voltas na história, muitas vezes você será surpreendido com certos acontecimentos em gameplay, os personagens são muito carismáticos e a história vai se desenrolando de uma forma que funciona muito bem e que te prende, então sem mais nem menos sejam bem vindos a mais uma ÁNALISE.

 GRÁFICOS 8.5/10: Os gráficos do jogo estão lindos, muito bem detalhados, um ponto muito irritante no gráfico é o brilho excessivo, como se quisessem disfarçar alguma falha gráfica colocando aquela iluminação que dá dor de cabeça além de atrapalhar em certas missões quando você tenta acertar o inimigo e simplesmente não consegue enxergá-lo, mesmo com esse problema os gráficos não fazem feio, é muito emocionante vez o cenário sendo destruindo, a destruição está em um nível absurdo, praticamente tudo é destrutível claro que não chega ao nível de destruição de Crysis.

 Existem também problemas por parte das sombras que às vezes não tem coerência com o cenário, mais é compensado com as sombras das árvores que são muito bem colocadas e dão mais sensação de realismo.

 SOM 7/10: A trilha sonora e sons das armas também estão bem feitas, até o momento em que o som dos tiros trava e fica repetindo como se você estivesse disparando, mais na verdade é um bug do som. Os sons das armas estão bem feitos principalmente quando um míssil derruba uma casa, isso realmente é muito gratificante (oooooooohhhhhh).

 JOGABILIDADE 8/10: A jogabilidade é bacana, não se compara a COD, principalmente porque é perceptível a mira sendo fixada automaticamente no inimigo, da pra perceber que a mira fica "travada" no inimigo, isso é frustrante e às vezes atrapalha em vez de facilitar ( para os noobs, brincadeira). Falta muita coisa na jogabilidade, por exemplo, poder deitar, poder andar (andar, lento)...

 DIFICULDADE 10/10: O jogo tem uma dificuldade grande principalmente por se tratar de um jogo realista em que poucos tiros são capazes de ferrar com você (no jogo), certas vezes você s pensa que nunca sairá daquele ataque.

 INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL 8/10: a inteligência artificial é razoável principalmente da parte dos seus parceiros (seus parças) que às vezes se intrometem na mira, e às vezes simplismente não fazem nada, mais dificilmente eles fazem isso, esses errinhos são perdoáveis ainda mais pelo fato dos seus parceiros serem muito carismáticos.

 LAGS E BUGS: é possível perceber lags durante muita fumaceira, os bugs são mais por partes de inimigos que ficam presos em paredes tendo ataque de convulsão.

 BF Bad Company 2 é um excelente BF, com diálogos interessantes, principalmente os diálogos entre os seus amigos que parecem muito naturais ao falarem, além de discutirem como verdadeiros amigos que já tem muita intimidade.

 Os gráficos são agradáveis e muitas vezes você vai ficar admirado, Battlefield Bad Company 2 com certeza vale a pena para os fãs e não fãs da saga( ou série) que é muito famosa, e que na minha opinião é melhor que COD, mais claro isso é minha opinião.

NOTA FINAL 8.5/10







































quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Prototype

 Prototype é aquele tipo de jogo que você olha e diz " não acredito que vi isso" de tão exagerado que o jogo é.

 No jogo você controla Alex Mercer, que foi infectado por um virus que lhe dá poderes sobrenaturais. O corpo de alex pode se destorcer como uma massa e pode transformar seus braços em laminas e até mesmo em braços de marreta, ele também é capaz de transformar seu corpo inteiro em escudo mais quando ele está nesse modo não é possivel planar pois o peso do corpo aumenta.

 Ao decorrer das fases o virus de Alex começa a se espalhar e contaminar pessoas, mais isso favorece Alex que se torna mais poderoso a cada dia.


 GRÁFICOS 7/10

 A primeira coisa que pensei quando vi os gráficos foi, isso é um Spider-Man Web Of Shadows 4x piorado( gráficamente falando), os gráficos não chamam atenção, justo para um jogo de 2009 que poderia trazer algo atrativo( claro que gráficamente falando), uma prova que o gráfico é horrivel são as demolições, um prédio demolindo é o suficiente para você notar a péssima qualidade dos gráficos e até mesmo rir, pois os escombros não ficam espalhados eles simplimente desce com o prédio e some do nada, como se nem existisse. Nas cutscenes os gráficos não mais bem cuidados, com sombra e iluminação mais bem acabada, nada atrativo também não.

 SOM 7/10

 O audio do jogo é muito baixo, a dublagem é boa, combina bem com os personagens, mesmo Alex que não é nem um pouco carismático consegue agradar com o seu jeito que eu chamo de "Fuck Yeah". Dificilmente terá aquela musica que aparece em um momento de tensão, ou seja o som está pouco presente fora os sons do cenário como os carros.

 JOGABILIDADE 9/10

 A jogabilidade do jogo é bem fácil mais as vezes confusa, quando você simplismente que correr para fugir do inimigo, você se depara com uma parede fazendo alex subir, isso é algo chato principalmente quando você está morrendo ou quando a camera está focando em um angulo ridiculamente horrivel, Mesmo assim a jogabilidade é fácil.

 DIFICULDADE 8/10

 O jogo não chega a ser dificil, mais os produtores colocam coisas ridiculas para dificultarem, as missões são muito repetitivas e enjoativas, como por exemplo:

 Proteja um tanque para que ele destrua as colméias ( as colméias abrigam hunters, que são infectados mais fortes).
 Derrube um numero de helicopteros.
 Absorva um soldado e pegue suas memórias.

 Esse é um exemplo de missão que você verá no resto do jogo, o jogo é fácil, mais é longo, cerca de 10 horas ou mais, a ultima fase é a unica que posso chamar de "dificil",

 MULTIPLAYER /



 INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL 7/10

 A inteligência artifical é fraca, normalmente quando você absorve sorrateiramente um soldado as pessoas não veem, só os soldados que tem uma integência, em certas partes é até irritante, pois você está enfrentando um monstro enorme e os soldados parecem que só enchergam o Alex, e isso atrapalha muito.

 DIVERSÃO 8/10

 O jogo diverte até um ponto, quando você cansa de correr pela cidade e ver vários prédios parecidos, tudo repetido e chato, a unica coisa que anima é usar as garras, ou a lamina, e sair cortando todo mundo.

 BUGS 9/10

 Vou dizer um bug que eu lembro e que me estressou muito, foi tentar entrar em um helicoptero que está voando e do nada Alex cair mesmo sem ninguém ter me atacado, outra coisa estranha, não um bug mais que é bem estranho, é que parece que a produtora não colocou um Vsync( sincronização vertical) no jogo, é possivel ver vários objetos aparecendo do nada.

 Prototype não é um ótimo jogo, mais não é um jogo ruim, é apenas um jogo que vai ficar esquecido, pois nada no jogo consegue ser atrativo, com excessão da história que começa a ficar mais interessante no decorrer, é um jogo que vale a pena, mais não será dos melhores que você já jogou, talvez esse ano( 2012) saia o 2, pois já existem várias imagens e videos, é uma pena que dessa vez Alex seja o vilão, mais, eu com "certeza" jogarei e farei analise.

 7.5/10




































domingo, 22 de janeiro de 2012

Mass Effect 3 Até Agora Deixando Todo Mundo Ansioso

 Eu como fã de RPG que não deixar de perder ME3, que parece ser um jogão, e também a produtora diz que esse é o "ultimo" capitulo da saga, eu duvido.

Bastion Episódio 1, A Saga de Kid

 O video de hoje é de uma série que comecei, a Saga de Kid, mas nãos e trata de um detonado, pois eu nunca completei o jogo, na verdade todas as vezes que eu for jogar, estarei gravando, ou seja nunca passei pelos locais que serão mostrado nos videos, espero que gostem.


sábado, 21 de janeiro de 2012

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Spider-Man Web of Shadows


O Web Of Shadows começa com Nova York destruída e tomada pelo caos e pelos simbiotes, essa 1ª parte será apenas para instruções do jogo, após completada, o jogo voltará no tempo para que o jogador saiba porque tudo aquilo estava acontecendo. 4 dias atrás, tudo estava perfeitamente normal no dia-a-dia do Homem-Aranha, nada de mais estava acontecendo do que ladrões perturbando a vizinhança, robôs destruíndo a cidade e super-vilões tentando matarem o Aranha, até o dia em que pessoas começaram a se comportar de forma estranha, como subir paredes, ter a agilidade corporal muito desenvolvida e infectando outras pessoas. Venom estava infectando toda a cidade de Nova York com o seu simbiote, tornando a cidade um caos maior que já era, com isso, a S.H.I.E.L.D. foi contactada para o caso. Homem-Aranha decide ajudar a S.H.I.E.L.D., e sua primeira missão foi libertar Tinkerer da prisão para a construção de uma máquina capaz de parar a infecção, só que a infecção começou a se transformar numa invasão alienígena, consumindo até mesmo Heróis e Vilões da cidade. Cabe então, ao Homem-Aranha,  limpar a cidade do caos e derrotar Venom de uma vez por todas.

 A Activision chegou com a promessa de refazer o universo do aracnideo, foi ai que surgiu Spider-Man Web Of Shadows.

 O LADO BOM:

 Uma das coisas do game que mudou a mecanica dos jogos do Aranha foi, adicionar muitos combos, você pode fazer combos infinitos, pode upar seus golpes como um jogo de rpg, você pode escolher os golpes por categoria como por exemplo ataques aereos. Você pode lutar nas paredes que é uma inovação no jogo, os combates nas paredes são muito divertidos, mas alguns golpes são bem complicados de se aplicar como web strike.

 Outra novidade é que em uma das primeiras batalhas contra Venom, o Homem-Aranha ganha mais uma vez a simbiote, e você pode usa-la quando quiser, alternando para o Amazing ou Dark(sei lá), os golpes com o Amazing Spider-Man são mais rápidos, já com o negro, os golpes são mais apelões podendo derrotar vários inimigos de uma vez. Você também poderá chamar alguns personagens das hqs como wolverine e gata negra.

 A fisica do jogo está mais parecida com a do herói que conhecemos, com rodopios no ar, e saltos enormes, agora você pode correr pelas paredes sem o herói cansar, você pode também se puxar com a téia enquanto estiver na parede para subir mais rápido.

 Outra coisa muito interessante são as batalhas com chefes, onde estão presentes as qte (quick time events) que são as cenas interativas, onde você deve apertar algum botão para o personagem fazer alguma ação.

 O gráfico do jogo é bom, principalmente a roupa do personagem, nesse game, ela é diferente dos outros, pois é brilhante parecendo latex, só que não tão gay.

 O LADO RUIM:

 A começar pela inteligência artificial dos inimigos, que as vezes são muito burros, pois você está na frente deles arregassando eles, mesmo assim o idiota fica parado e olhado para os lados, outro problema do jogo é a repetição de missões, sempre que aparece um inimigo novo, você terá que matar um certo numero deles, fora que os inimigos são todos iguais.

 É possivel ver coisas aparecendo e sumindo no cenário do nada, quando se passa por carro de policia tudo bem, agora olhe para tras e veja se ele ainda está lá, é estranho, pois até parece que não existe vsync (sincronização vertical).

 O jogo é bom, tem seus defeitos, mais qualquer fã do personagem deve jogar esse jogo.


GRÁFICOS: 8
JOGABILIDADE: 9
TRILHA SONORA: 7
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL: 8
DIVERSÃO: 7

NOTA FINAL: 8/10



































Requisitos Mínimos
Processador: Intel Core 2 Duo / Athlon X2 4600+
Velocidade do processador: 2 núcleos de 2.13 GHz
Memória RAM: 1 GB
Memória de vídeo: 512 MB
Direct3D: Sim
Versão do DirectX: 9.0c
Sistemas Operacionas: Windows XP, Windows Vista
Espaço: 8 GB livres em disco
Velocidade do leitor de DVD: 6 X

Requisitos Mínimos para o Vista / 7
Memória RAM: 2 GB

download:
parte1
parte2
senha: Silent.Hunter

domingo, 8 de janeiro de 2012

Trine


A história do Trine se passa em um ambiente medieval, depois que o último rei de uma dinastia morreu, o povo ficou sem um verdadeiro líder, incitando a luta pelo poder entre magos e guerreiros, essas lutas trouxeram as trevas ao povo, acabando completamente com a paz.
Logo nas 3 primeiras fases do jogo existe o encontro de três personagens, que serão utilizados pelo jogador durante as fases seguintes. Um mago, um guerreiro e uma ladra, os três encontraram um mesmo cristal com poderes mágicos, que dará inicio a toda a trama.

 Trine mostra que um Side-Scrolling também tem direito a gráficos de 1ª, os gráficos de Trine são impressionantes, um jogo muito colorido( não infantil), e cheio de vida.

 O LADO BOM:

 Para não cair na mesmisse você conta com 3 personagens diferentes com habilidades diferentes, a ladra é capaz de soltar um gancho (igual batgancho) e um arco e flecha, o guerreiro\cavaleiro pode usar o escudo e a espada, poderá também usar uma marreta poderosa, mais essa arma só será desbloqueada mais adiante no jogo, o mago não usa nenhuma arma a não ser, seus poderes mágicos, ele é o unico personagem não muito recomendável para lutar, pois ele serve apenas para desenhar pontes e caixas, mais adiante ele ganhará a magia de fazer um triangulo voador, que ajudará a ladra a soltar o gancho em locais onde não tem suporte. Uma coisa interessante no jogo é que você pode fazer as fases como bem entender, aqui a criatividade conta, pois com o mago você pode construir pontes e caixas que servirão em certas partes do jogo, a lada é a melhor escolha para subir em locais altos, pois com seu gancho ela pode subir alto, mais lembre-se, o gancho só pode se prender a madeira, por isso que o triangulo voador de madeira do mago será util.

 Também é possivel jogar co-op (cooperativo), o que torna a vida util do jogo mais longa, pois jogar com amigos sempre fica mais divertido. Algumas fases você precisará nadar, é recomendado é usar ou a ladra ou o mago para nadar, pois o guerreiro é muito pesado, você também ganhará um amuleto (ou algo do tipo) que permite que você respire na água sem precisar ficar saindo para recuperar folego.

 O LADO RUIM:

 O primeiro e talvez pior problema de Trine é inteligência artificial, os inimigos são tão burros que da dó, os inimigos costumam segui-lo, mais as vezes eles do nada começam a caminhar contra a parede sem motivo, e as vezes começam a pular de uma plataforma a outra sem parar, os inimigos não mudam do inicio ao fim, são sempre os mesmos esqueletos. O final do jogo também é frustrante, além de ter que subir a torre, não tem nenhuma batalha épica para marcar o jogo, o final faz você morrer várias vezes, com obstaculos patéticos como caixas e esferas espinhosas (não sei o nome) caindo quando você pula sobre as plataformas que abaixam, além de ser inutil esses obstáculos aparecem em locais onde não tem como fugir, fazendo você voltar várias vezes a fase,(spoiler) depois de subir as ridiculas plataformas, você pensa que terá pelo menos uma batalha para cobrir a catastrofe de subir as plataformas, mais não, você apenas assiste a um video bobo que finaliza o jogo, sem que você lute com o mestre que lança os objetos.

Trine vale a pena, apesar da falta de emoção no final, ainda assim recomendo.

GRÁFICOS: 10
JOGABILIDADE: 8
TRILHA SONORA: 8
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL: 4
DIVERSÃO: 9

NOTA FINAL: 9/10

















Requisitos Mínimos
Processador: Intel Pentium IV / AMD Athlon
Velocidade do processador: 2 GHz
Memória RAM: 512 MB
Memória de vídeo: 256 MB
Chipset de vídeo: NVIDIA 6800 / ATI X800
Direct3D: Sim
Versão do DirectX: 9.0c
Sistemas Operacionas: Windows XP, Windows Vista, Windows 7
Espaço: 600 MB livres em disco

Requisitos Recomendados
Processador: Intel Dual Core / AMD Athlon X2
Velocidade do processador: 2 núcleos de 1.7 GHz
Memória RAM: 2 GB
Memória de vídeo: 512 MB
Chipset de vídeo: NVIDIA 8800 / ATI HD 3850
Direct3D: Sim
Versão do DirectX: 9.0c
Sistemas Operacionas: Windows XP, Windows Vista, Windows 7
Espaço: 1 GB livres em disco

download:
fileserve
megaupload
senha: baixarjogoscompletos.net

sábado, 7 de janeiro de 2012

Trine Video Comentado

 O video de hoje é jogando Trine, em breve Trine 2, espero que gostem.